Conquiste
novos mercados

Boletim Informativo
26.08.2020

Os preços do café arábica fecharam com leve queda na bosla de Nova York. A cotação para vencimento dezembro fechou a 122,10 cents/lb com baixa de 85 pontos. Durante o pregão as cotações chegaram a registrar boa alta, porém a alta do dólar frente ao real pressionou as cotações.

Nos sete primeiros meses do ano em curso de 2020, as exportações dos Cafés do Brasil atingiram um volume físico total equivalente a 22,9 milhões de sacas de 60kg e receita cambial de US$ 3,0 bilhões, com preço médio da unidade correspondente a US$ 128,9. Nesse contexto, os cafés da espécie arábica vendidos ao exterior totalizaram 18 milhões de sacas, volume que representa 78,4% das exportações, enquanto os cafés da espécie de conilon (robusta), com 2,6 milhões de sacas, equivaleram a 11,2%. E, por fim, o café solúvel teve participação de 10,3%, com 2,4 milhões de sacas, e o café torrado e moído, com 13,8 mil sacas, que equivaleram apenas 0,1% das exportações.  

Os dez principais países e blocos econômicos que importaram os cafés do Brasil, no período, de janeiro a julho de 2020, num ranking em ordem decrescente, foram, em primeiro, os Estados Unidos, que adquiriram 4,3 milhões de sacas de café, volume que corresponde a 18,6% do total exportado; em segundo, a Alemanha, com 3,9 milhões de sacas, o que representa 17,1% das exportações; em terceiro, a Itália, com 1,8 milhão de sacas (8,1%); em quarto, vem a Bélgica, com 1,7 milhão (7,2%); e o Japão, em quinto colocado, com 1,2 milhão de sacas (5,1%) de sacas de café importadas do Brasil.

Na sequência desse ranking, em sexta colocada, figura a Federação Russa, com 755,8 mil sacas (3,3%); na sétima posição, a Turquia, com 736,4 mil sacas (3,2%); logo em seguida vem a Espanha, na oitava posição, com 568 mil sacas (2,5%); México, na nona colocação, com 537,4 mil sacas (2,3%) e, por último, o Canadá, na décima posição, com 482,5 mil sacas, volume físico que corresponde a 2,1% do que foi exportado pelo Brasil nos sete primeiros meses deste ano.

Mercado Futuro

Cotações ICE Futures - Nova Iorque
Contrato Fechamento (US$) Variação (%)
Dezembro/2020 110,10 0,87
Março/2021 112,60 0,99
Maio/2021 114,10 1,02
Setembro/2021 116,80 0,99
Cotações BM&F Bovespa
Contrato Fechamento (US$) Variação (%)
Dezembro/2020 117,10 -0,76
Março/2021 118,50 -0,84
Setembro/2021 122,50 -0,90
Moedas
Moeda Fechamento (R$) Oscilação (%)
Dólar 5,6090 1,84
Euro 0,0000
Valores de fechamento do dia 26/08/2020

Mercado Físico

Tipo R$ US$
Café Peneira 17/18 (COB 2) 660,00 117,67
Café Peneira 14/16 (COB 3) 640,00 114,10
Café Bica Fina Graúdo 620,00 110,54
Café Bica Fina 600,00 106,97
Café Bica Boa 580,00 103,41
Bases apenas nominais
Maiores consumidores de café
País Volumes (sc)
União Européia 46.200.000
EUA 27.287.000
Brasil 23.530.000
Japão 8.100.000
Rússia 4.675.000
China 3.300.000
Fonte: OIC

Exportações

Exportações diárias de café
Situação Volume acumulado mensal (sc) Variação em relação ao mês anterior (%)
Emissão de certif. 2.627.692 -3,4
Embarques 1.585.486 -10,5
Data: 25/08/2020 - Fonte: Cecafé
Volume de café exportado pelo Brasil
Período Volumes (sc)
Abril/2020 3.348.601
Maio/2020 2.978.829
Junho/2020 2.799.933
Julho/2020 3.038.164
Estoque de Café Verde EUA (GCA)
Período Volumes (sc)
Julho/2020 7.054.349
Junho/2020 7.061.198
Maio/2020 6.818.120
Abril/2020 6.517.867
Março/2020 6.023.568

Preços NY