Conquiste
novos mercados

Boletim Informativo
14.09.2021

Os preços do café arábica fecharam novamente em baixa na bolsa de Nova York nesta terça-feira. A cotação para vencimento dezembro fechou o dia a 185,45 cents/lb com baixa de 135 pontos.

De acordo com relatório mensal do Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé), os embarques totais do produto somaram 2.674.116 sacas de 60 kg em agosto de 2021, registrando queda de 25,2% em relação às 3.573.958 sacas em idêntico período de 2020. Nos dois primeiros meses da safra 2021/22, as exportações totalizaram 5,541 milhões de sacas, volume 18,7% inferior ao registrado em julho e agosto do ciclo anterior.

A reviravolta no desempenho das exportações brasileiras de café, que eram positivas até o acumulado de julho, reflete a continuidade dos gargalos logísticos no transporte marítimo, um problema estrutural que extrapola as fronteiras do Brasil e do produto, conforme revela o presidente do Cecafé, Nicolas Rueda. “Essa grave crise operacional gerou disparada no valor dos fretes, constantes cancelamentos de bookings – espaço dos contentores nos navios –, dificuldade para novos agendamentos e disputa por contêineres e lugares nos navios”, expõe.

Segundo apuração realizada pelo Conselho junto aos exportadores, os entraves fizeram com que o Brasil deixasse de exportar cerca de 3,5 milhões de sacas entre maio e agosto de 2021, o que, considerando os preços médios dos embarques, equivale ao não ingresso de aproximadamente US$ 500 milhões em receitas ao país. “O levantamento também mostrou que a média das rolagens de carga variou entre 10% e 20% de janeiro a abril de 2021, saltou para entre 20% e 30% em abril e maio, chegando aos patamares médios de rolagens de 40% a 50% nos últimos três meses, o que explica o significativo volume de café que o Brasil deixou de embarcar. O desempenho não foi pior em função do esforço titânico dos setores comercial e logístico dos exportadores, que ainda possibilita um fluxo considerável de café para fora do país”, analisa o presidente do Cecafé. Rueda comenta que, com o avanço da vacinação e a reabertura das principais economias globais, especialmente Estados Unidos e Europa, houve um aumento monumental por alimentos, bens e serviços, gerando intensa demanda de navios, oriundos principalmente da China e de outros países da Ásia, para essas regiões.  

Mercado Futuro

Cotações ICE Futures - Nova Iorque
Contrato Fechamento (US$) Variação (%)
Dezembro/2021 209,25 0,29
Março/2022 212,15 0,26
Setembro/2022 213,90 0,26
Dezembro/2022 213,95 0,23
Cotações BM&F Bovespa
Contrato Fechamento (US$) Variação (%)
Dezembro/2021 251,50 1,00
Março/2022 255,50 0,99
Setembro/2022 257,40 0,82
Moedas
Moeda Fechamento (R$) Oscilação (%)
Dólar 5,2550 0,80
Euro 0,0000
Valores de fechamento do dia 14/09/2021

Mercado Físico

Tipo R$ US$
Café Peneira 17/18 (COB 2) 1.200,00 228,35
Café Peneira 14/16 (COB 3) 1.150,00 218,84
Café Bica Fina Graúdo 1.100,00 209,32
Café Bica Fina 1.050,00 199,81
Café Bica Boa 1.000,00 190,29
Bases apenas nominais
Maiores consumidores de café
País Volumes (sc)
União Européia 46.200.000
EUA 27.287.000
Brasil 23.530.000
Japão 8.100.000
Rússia 4.675.000
China 3.300.000
Fonte: OIC

Exportações

Exportações diárias de café
Situação Volume acumulado mensal (sc) Variação em relação ao mês anterior (%)
Emissão de certif. 780.163 -14,2
Embarques 574.723 15,0
Data: 10/09/2021 - Fonte: Cecafé
Volume de café exportado pelo Brasil
Período Volumes (sc)
Abril/2021 3.332.561
Maio/2021 2.615.707
Junho/2021 3.012.499
Julho/2021 2.826.266
Agosto/2021 2.674.116
Estoque de Café Verde EUA (GCA)
Período Volumes (sc)
Agosto/2021 6.130.484
Julho/2021 6.074.346
Junho/2021 5.779.461
Maio/2021 5.815.138
Abril/2021 5.762.567
Março/2021 5.679.162

Preços NY